Secretaria de Saúde faz alerta sobre o alto índice de criadouros do Aedes Aegypti em Cláudia – Prefeitura de Cláudia

Secretaria de Saúde faz alerta sobre o alto índice de criadouros do Aedes Aegypti em Cláudia

Dos 225 imóveis visitados, em 40 foram encontrados larvas do mosquito

 

Com o alto índice de criadouros do mosquito Aedes Aegypti no município de Cláudia a Secretaria de Saúde convoca a população para o combate do transmissor da dengue, zika e chikungunya.

O Levantamento de Índice Rápido para Aedes Aegypti (o Liraa) realizado pela equipe de endemias constatou cerca de 16,9% de infestação de larvas do mosquito.

“Nós fizemos agora conforme a demanda do Ministério da Saúde para o início de ano um levantamento do Lira, que é o índice de infestação rápido, e o que nos surpreendeu que dos 225 imóveis visitados 40 deles tinham o foco do mosquito e isso nos elevou a um patamar de 16,9% de infestação, que é altíssimo e preocupante visto que nessa época agora que está tendo vários casos de dengue hemorrágica na região”, enfatizou Edson Catarino coordenador de Endemias.

De acordo com a Secretaria de Saúde Eli Rizzi já há 3 notificações de dengue em Cláudia, o que preocupa ainda mais devido os casos em municípios vizinhos. “Nós temos 3 notificações, o mês de dezembro foi tranquilo, não teve nenhum caso, porém em janeiro já tivemos 3 notificações, um já está sendo investigado, que pode ser em decorrência de visitas em Sinop. Mas mesmo assim sendo 3 casos é preocupante, porque para o mosquito se proliferar tendo um mosquito pode virar 500 e 1000 casos então de repente a gente está aí com esse problemão. Então fica o alerta a população e eu peço cuide do seu quintal, do imóvel do vizinho, do terreno baldio, vamos se juntar em prol do combate a esse mosquito”.

Conforme ainda o coordenador da Endemias Edson Catarino a área com maior infestação no município é na área central englobando os bairros Rotary, Lions, Jardim União, Centro Cívico e o Campo Verde. “Essa parte central do município ela está com alta infestação, tem sim também o Habitar Brasil, mas como a gente já fez um trabalho bem elaborado ano passado então acho que a população se conscientizou um pouco, mas mesmo assim ainda tem essa preocupação no geral para que todos revisem seus quintais, olhem e eliminem os focos”.

Vale ressaltar que mesmo com as visitas da equipe de endemias a responsabilidade de eliminar os focos do mosquito é de cada um.

“A responsabilidade não é somente da secretaria, do município ou do Ministério da Saúde, a responsabilidade é de cada cidadão. Estamos nos mobilizando juntamente com nossas equipes de Endemias e Vigilância, com a secretaria de Meio Ambiente e também a secretaria de Obras, mas é preciso do auxílio de cada um, vamos se unir nesta causa em benefício do município porque a dengue está aí e a dengue mata”, finalizou Eli Rizzi.

Fotos: Henrique Basinski.

+ NOTÍCIAS

Prefeitura de Cláudia realiza ações para apoio de famílias carentes durante a quarentena

A Secretaria de Assistência Social esteve reunida com clubes de serviço do município para a formatação de um plano de…

Prefeitura de Cláudia define situação de emergência em Cláudia; Está proibida a aglomeração de pessoas em ruas

O prefeito Altamir Kurten, considerando as decisões tomadas na reunião do Comitê Municipal de Prevenção, Orientação e Enfrentamento ao COVID-19…

Veja as orientações para empresas durante Decreto de Emergência, em Cláudia

A prefeitura de Cláudia definiu Situação de Emergência, e um dos artigos do Decreto é direcionado ao fechamento de comércios.…
Maltepe escort, porno, Çekmeköy Escort izmit Escort Kartal Escort Kurtköy Escort pendik Escort Tuzla Escort ümraniye Escort
mersin escort
xhamster porno ensest hikayeler adult Hikayeler canlı bahis siteleri sex hattı